Português Italian English Spanish

Policiais civis prendem em MT dois jovens suspeitos pela morte do companheiro da mãe, em Goiás

Policiais civis prendem em MT dois jovens suspeitos pela morte do companheiro da mãe, em Goiás

Data de Publicação: 5 de janeiro de 2021 13:25:00

Assessoria | Polícia Civil-MT

Reprodução

 

Dois irmãos investigados pela morte e ocultação do corpo do companheiro da mãe no estado de Goiás foram presos pela Polícia Civil de Mato Grosso, na tarde de segunda-feira (04.01) durante ação da Delegacia Especial de Fronteira (Defron) em apoio à polícia goiana.

Os suspeitos de 18 e 20 anos foram autuados em flagrante pelos crimes de homicídio e ocultação de cadáver, após serem surpreendidos pelos policiais civis em Cáceres (225 km a oeste de Cuiabá).

O crime ocorreu na madrugada de sexta-feira (01.01) na cidade de Rio Verde (GO), durante as comemorações de ano novo. Na ocasião ocorreu um desentendimento entre os envolvidos, motivado por ameaça e violência doméstica praticada pela vítima contra sua companheira.

Márcio Henrique de Oliveira, de 30 anos, pegou uma faca e passou a ameaçar os filhos da companheira, quando a discussão seguiu para a rua, onde um dos suspeitos, armado, efetuou um disparo na nuca da vítima, que foi a óbito no local.

Em seguida, os irmãos usaram a caminhonete da mãe, colocaram o corpo da vítima na carroceria do veículo e fugiram por uma estrada vicinal em direção à zona rural de Rio Verde (GO).

Conforme apuração, depois de percorrerem alguns quilômetros, eles jogaram o corpo da vítima em um aterro sanitário na região e jogaram o revólver de calibre 38 no rio Verdão.

Assim que acionados pela Polícia Civil de Rio Verde, os policiais mato-grossenses iniciaram diligências para localizar os irmãos, pois havia suspeitas eram que ambos haviam embarcado para Cuiabá e posteriormente seguiram para Porto Esperidião, cidade onde reside um familiar.

Com base nas informações repassadas, a equipe da Defron realizou uma barreira na entrada da cidade, e conseguiu no final da tarde de segunda-feira (04), abordar o ônibus em que os irmãos viajavam.

Os dois jovens foram detidos e conduzidos para a Defron, onde foram interrogados e autuados em flagrante por homicídio e ocultação de cadáver. Após a confecção dos autos os presos foram recambiados para Rio Verde, ficando à disposição da Justiça.