Português Italian English Spanish

Polícia Civil prende jovens e apreende menores por tráfico em Água Boa

Polícia Civil prende jovens e apreende menores por tráfico em Água Boa

Assessoria | PJC-MT

Quatro jovens foram detidos, entre eles dois menores, pela Polícia Judiciária Civil, na quarta-feira (24.07), no município de Água Boa (730 km a Leste), por envolvimento com o comércio de entorpecentes na região. A ação resultou na apreensão de uma porção grande de cocaína, uma motocicleta, dinheiro, aparelhos celulares e vários materiais utilizados para a traficância.

C.A.P.D, 20, e D.O.S., 24, foram autuados em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas e corrupção de menores. Os infratores (ele: R.D.S., 16, e ela: D.S.C., 17) responderão ato infracional análogo aos mesmos delitos. O jovem de 24 anos tem passagens criminais com registros na polícia.

Os quatro suspeitos foram surpreendidos pelos policiais civis, em uma casa no bairro Vila Nova. Eles eram investigados na guarda e depósito de entorpecentes, dentro de uma residência.  

Em monitoramento do local, os investigadores avistaram o momento em que dois rapazes, em uma motocicleta, param o veículo em atitude suspeita na frente da casa. Ao perceberem a presença da equipe, os jovens tentaram fugir, porém, foram contidos.

Em seguida foi franqueada a entrada dos policiais civis no imóvel e dentro encontrada enterrada uma porção grande de cocaína. Também foi verificado que na casa não havia móveis comuns, apenas uma geladeira com alimentos e um colchão, o que presume que o local não era usado para moradia e sim para o tráfico de drogas.

Ainda na ocasião, uma pessoa chegou ao imóvel alegando ser usuária e foi até o ponto adquirir entorpecentes.

Os quatro envolvidos (dois maiores e dois menores) foram encaminhados para Delegacia de Polícia de Água Boa, interrogados e ouvidos, respectivamente. Eles  foram autuados em flagrante delito e ato infracional, por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Após a confecção dos autos, todos foram colocados à disposição da Justiça.

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário