Português Italian English Spanish

Matança no Araguaia é lembrada no Dia da Onça Pintada

Matança no Araguaia é lembrada no Dia da Onça Pintada

Data de Publicação: 2 de dezembro de 2019
Esse crime reforça a necessidade da preservação da espécie. O caso está sendo investigado pela Polícia Federal de Barra do Garçass

PNB on line

Nesta sexta-feira (29), Dia Nacional da Onça-pintada, símbolo brasileiro da conservação da biodiversidade, o páis teve a possibilidade de festejar e atrair especial atenção para a espécie, em uma data comemorativa, que foi concretizada a partir da portaria do Ministério do Meio Ambiente (MMA) número 8 de 16 de outubro de 2018. A data é importante para unir esforços em ações de divulgação sobre a importância ecológica, econômica e cultural da espécie.

Em Mato Grosso, a Polícia Federal de Barra do Garças (500 km de Cuiabá), investiga o abate de três onças-pintadas em uma fazenda, no município de Cocalinho (923 km a leste de Cuiabá), registrado em um vídeo que circulou nas redes sociais. O suspeito D.S.M., 52, se apresentou na Delegacia de Água Boa, em 13 de novemro, foi interrogado pelo delegado Valmon Pereira da Silva, mas ficou em silêncio. Sem mandado de prisão, o homem foi liberado.

População de felinos aumenta

O esforço integrado entre os países (Brasil, Argentina e Paraguai) tem resultado na recuperação da população de onças pintadas no chamado Corredor Verde, região que compreende a bacia do Alto Paraná. O número de onças no Corredor saltou de uma população efetiva estimada em 50 indivíduos em 2008 para os atuais 100 indivíduos, o que significa uma grande conquista. A meta, segundo o Centro Nacional de Pesquisas e Conservação de Mamíferos Carnívoros (Cenap), do ICMBio, é atingir 250 indivíduos até 2030.

Além das áreas de proteção para as onças, é desenvolvido o Projeto Onças do Iguaçu, que tem como missão conservar a onça-pintada como espécie-chave para a manutenção da biodiversidade da região do Parque Nacional do Iguaçu, administrado pelo ICMBio. A equipe estuda o deslocamento, comportamento, dieta das onças e monitora os animais por meio de armadilhas fotográficas. Também atua junto à comunidade levando e obtendo importantes informações para a convivência harmoniosa entre pessoas e onças.

A onça é o maior felino das Américas, e por ser topo de cadeia alimentar e necessitar de grandes áreas conservadas para sobreviver, ocorre somente em áreas preservadas. No Brasil, a onça-pintada vive em diversos biomas: Amazônia, Pantanal, Mata Atlântica e Caatinga, mas é na Caatinga que ela é mais ameaçada, sendo considerada criticamente em perigo de extinção.

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário